O que é a camada de ozônio?

O ozônio é um gás que está presente em pequenas quantidades na nossa atmosfera. É encontrado em duas regiões: cerca de 10% na troposfera, região mais próxima da superfície da terra, entre 10 e 16 km, e os 90% restantes na estratosfera, entre 10 e 50 Km da superfície da Terra, formando uma fina camada chamada de camada de ozônio.

O termo ozônio vem do grego e significa “mau cheiro”. Isto porque o ozônio tem um forte odor. A camada de ozônio da estratosfera absorve grande parte da radiação ultravioleta emitida pelo Sol, especialmente a radiação ultravioleta B (R-UVB), nociva à nossa saúde. É desta forma que a camada de ozônio nos protege. 

Fonte: Programa Sol Amigo.

O ozônio da estratosfera é constantemente produzido e destruído em um ciclo natural. Entretanto a quantidade total deste gás é estável.

As moléculas de ozônio são compostas por três átomos de oxigênio (O3) e se formam naturalmente através de reações fotoquímicas ou descargas elétricas.

Nas reações fotoquímicas, que ocorrem na estratosfera, a radiação ultravioleta proveniente do Sol quebra as moléculas de oxigênio (O2) em dois átomos de oxigênio (O + O), que por sua vez combinam-se com outras moléculas de oxigênio (O + O2), formando o ozônio (O3). Desta forma a radiação ultravioleta ajuda a manter o balanço natural do ozônio na estratosfera enquanto sucessivamente absorve a radiação ultravioleta protegendo a superfície da Terra dos seus efeitos nocivos.

Formação do ozônio - NASA GSFC

Formação do ozônio – NASA GSFC

As descargas elétricas, incluindo os relâmpagos e as faíscas dos motores, podem, também, quebrar as moléculas de oxigênio que reagirão com substâncias poluentes como o óxido de nitrogênio e outros compostos orgânicos voláteis levando à formação do ozônio, que próximo à superfície terrestre, na troposfera, é considerado um poluente perigoso.

Não só os seres humanos estão sujeitos aos efeitos adversos causados pelo ozônio presente na troposfera, mas os vegetais e os ecossistemas também. Pode ocorrer uma redução na produtividade de plantações e florestas comerciais, redução do crescimento e sobrevivência de sementes e aumento na susceptibilidade a doenças, pestes e estresse causados pelo clima.

Nos Estados Unidos estima-se uma redução de aproximadamente 500 milhões de dólares por ano, na produão agrícola, em decorrência do ozônio formado na troposfera. Fonte: U. S. Environmental Protection Agency – EPA